Estrada Dona Castorina, 110
Jardim Botânico - 22460-320
Rio de Janeiro - RJ
Tel: 21-25295077
Tel: 21-25295189
Fax: 21-25295023
E-mail: obm@impa.br
Atendimento: 2ª a 6ª-feira
Horário: 08h00 às 18h00

Saiba como chegar








Polos Olímpicos de Treinamento Intensivo

Novidades

Olimpíada Brasileira de Matemática divulga gabarito da Segunda Fase

Mais de 20 mil estudantes fizeram as provas no último sábado.
Os critérios de classificação para a última fase serão divulgados em outubro.



IMC_2014 Estudantes fazem a prova da Olimpíada Brasileira de Matemática em São Paulo.
(Foto: Arquivo/Divulgação/OBM)


Os mais de 20 mil classificados que participaram, no último sábado (6), da Segunda Fase da 36ª Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) já podem conferir o resultado. Foram divulgados, nesta terça-feira (9), os gabaritos das provas , no site da competição.

A correção dos exames será realizada pelos professores das instituições cadastradas. Depois de realizada a correção, os professores terão prazo para fazer o envio do relatório de notas com os resultados dos seus alunos até o dia 6 de outubro. A divulgação da nota de corte que dará a classificação dos estudantes para a fase final está prevista para 13 de outubro. As provas finais ocorrerão nos dias 25 e 26 de outubro em locais a serem definidos. A lista de estudantes premiados será divulgada no site da OBM durante o mês de dezembro.

Preparação para a última fase


O aluno que deseje se preparar para a olimpíada, pode utilizar o material de estudo disponibilizado gratuitamente no site da competição. No endereço o aluno encontra provas de anos anteriores, a Revista EUREKA!, além de aulas preparatórias online, que atendem a crescente demanda dos jovens por conteúdos digitalizados.

A competição é uma iniciativa conjunta do Instituto Nacional de Matemática Pura Aplicada (Impa) e da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), que tem por objetivos estimular o estudo da matemática, contribuir para a melhoria do ensino no país, identificar e apoiar estudantes com talento para a pesquisa científica e selecionar e preparar as equipes brasileiras que participam das diversas competições internacionais de matemática, onde competem os melhores estudantes de cada país na área.

A OBM conta com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI), da Secretaria de Ciência e Tecnologia para Inclusão Social (Secis), do Ministério de Educação (MEC) por intermédio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Matemática (INCT-Mat).